Holandês foi perfeito em seu 150ª GP na categoria. Foto: Oracle Red Bull Racing

Holandês foi perfeito em seu 150ª GP na categoria. Foto: Oracle Red Bull Racing

O holandês Max Verstappen (Red Bull) venceu neste domingo (19) o GP do Canadá de Fórmula 1, prova disputada no Circuito Gilles Villeneuve, na Ilha de Notre Dame, nona etapa do campeonato.

Aos 24 anos, foi sua 26ª vitória na F1, exatamente em sua 150ª corrida, na categoria pela qual estreou em 2015. Com o resultado, Max foi a 175 pontos e segue na liderança do campeonato. Sergio Pérez, que abandonou, permanece em segundo, com 129. Em quinto na prova, Charles Leclerc segue em terceiro na tabela, com 126 pontos. 

Nas voltas finais, por conta da entrada do safety-car, em razão de uma batida de Tsunoda, a disputa pela vitória foi reavivada, mas Verstappen conseguiu resistir ao ímpeto de Carlos Sainz, da Ferrari, que acabou mesmo em segundo lugar. A terceira colocação foi de Lewis Hamilton (Mercedes), seu segundo pódio na temporada, driblando as limitações do W13. George Russell, seu companheiro de equipe, foi o quarto.

Sainz se aproximou de Verstappen no final, por conta do reagrupamento do pelotão em razão da bandeira amarela provocada pela batida de Tsunoda, mas não conseguiu superar o holandês. Foto:  Scuderia Ferrari   

Charles Leclerc, que largou em 19º, punido por troca de motor, fez aquilo que se esperava dele e de um carro bem acertado, escalando o pelotão para terminar na quinta colocação. Na sequência, os dois carros da Alpine, com Esteban Ocon em sexto e Fernando Alonso em sétimo

ATUALIZAÇÃO.... Após a prova os comissários avaliaram uma manobra de Alonso em Bottas, mudando de direção em relação ao piloto da Alfa Romeo. Assim, o espanhol da Alpine acabou punido, caindo para nono.

Hamilton driblou as limitações do W13 e garantiu um lugar no pódio, em terceiro. Foto: Mercedes-AMG Petronas F1 

A PROVA

Largada sem intercorrências, com Verstappen mantendo-se em primeiro, seguido por Alonso e Sainz. Mick Schumacher perdeu o sexto luga para Ocon e depois para Russell. Assim que a abertura da asa móvel foi liberada, Sainz superou Alonso e subiu para segundo. 

Russell seguiu mostrando apetite para ganhar as posições de Ocon e Magnussen para ficar em quinto, imediatamente atrás de Hamilton, o quarto.

Fim de prova para Pérez na volta 9, que encostou em uma área de escape sem conseguir acelerar sua Red Bull, aparentemente com o câmbio travado. Safety-car virtual acionado e Verstappen e Hamilton foram aos boxes para troca de pneus na volta 10. A prova  foi reiniciada na volta 11.

Os dez primeiros na volta 12: Sainz, Alonso, Verstappen, Russell, Hamilton, Ocon, Mick, Zhou, Ricciado e Albon. Leclerc, que foi punido por troca de motor, era o 13º após largar em 19º. 

Verstappen, sem dificuldade, superou Alonso na volta 16 e assumiu o segundo lugar.

Na volta 21, novo líder, com Verstappen passando ao primeiro lugar com a parada de Sainz que trocou pneus e voltou em terceiro, atrás de Alonso. Mick Schumacher, com problema em sua Haas, abandonou. Leclerc já era o sétimo.

Na volta 22, nova troca de posições no pelotão da frente, com Sainz ultrapassando Alonso.

Com pneus desgastados, Alonso não conseguiu resistir ao ataque de Hamilton, que pulou para terceiro. Alonso trocou de pneus na volta 29 e retornou em sétimo.

Segunda parada de Vestappen, na volta 44, que voltou colado em Hamilton, então o segundo colocado. Sainz passou para a liderança. Mas logo em seguida as posições foram trocadas e Hamilton foi para sua segunda troca de pneus.

BANDEIRA AMARELA

Batida de Tsunoda na barreira de proteção na volta 48, logo após deixar o pit-lane, com pneus pouco aquecidos, provocando a entrada do safety-car. Sainz foi para sua troca de pneus e voltou em segundo.

A pista foi liberada na volta 55, com Verstappen em primeiro, seguido por Sainz, Hamilton, Russell, Hamilton, Ocon, Alonso e Leclerc.

Na volta 59, com bela manobra, Leclerc ganhou o sexto lugar de Alonso e na volta seguinte superou Ocon e subiu para quinto. Na frente, mesmo utilizando a asa móvel, Sainz não conseguia a aproximação apropriada para superar Verstappen, que conseguiu se sustentar na liderança para vencer. 

PRÓXIMA ETAPA

Em duas semanas, em Silverstone, pista que foi palco do primeiro GP da história da Fórmula 1, acontece o GP da Grã-Bretanha, no dia 3 de julho. No ano passado, no sistema de um corrida curta no sábado e a mais longa no domingo, Verstappen ganhou a sprint e Hamilton foi o vencedor da prova principal. 

CALENDÁRIO COMPLETO DO MUNDIAL DE FÓRMULA 1 EM 2022

ETAPAS REALIZADAS

1ª - 20/03/2022 – GP do Bahrein – Sakhir – Pole de Charles Leclerc (1min30s558) - Vitória de Charles Leclerc
2ª - 27/03/2022 – GP da Arábia Saudita – Jedá – Pole de Sergio Pérez (1min28s200) - Vitória de Max Verstappen
3ª - 10/04/2022 – GP da Austrália – Melbourne – Pole de Charles Leclerc (1min17s868) - Vitória de Charles Leclerc
4ª - 24/04/2022 – GP da Emília-Romanha – Ímola – Pole de Max Verstappen (vencedor da Sprint) - Vitória de Max Verstappen
5ª - 08/05/2022 – GP de Miami – Miami (EUA) – Pole de Charles Leclerc (1min28s796) - Vitória de Max Verstappen
6ª - 22/05/2022 – GP da Espanha – Barcelona – Pole de Charles Leclerc (1min18s750) - Vitória de Max Verstappen
7ª - 29/05/2022 – GP de Mônaco – Monte Carlo – Pole de Charles Leclerc (1min11s376) - Vitória de Sergio Pérez
8ª - 12/06/2022 – GP do Azerbaijão – Baku – Pole de Charles Leclerc (1min41s359) - Vitória de Max Verstappen
9ª - 19/06/2022 – GP do Canadá – Montreal – Pole de Max Verstappen (1min21s299) - Vitória de Max Verstappen

ETAPAS RESTANTES

10ª -03/07/2022 – GP da Grã-Bretanha – Silverstone –
11ª -10/07/2022 – GP da Áustria – Red Bull Ring / Spielberg –
12ª -24/07/2022 – GP da França – Paul Ricard –
13ª -31/07/2022 – GP da Hungria – Hungaroring / Budapeste –
14ª -28/08/2022 – GP da Bélgica – Spa-Francorchamps –
15ª -04/09/2022 – GP da Holanda – Zandvoort –
16ª -11/09/2022 – GP da Itália – Monza –
17ª -02/10/2022 – GP de Singapura – Marina Bay –
18ª -09/10/2022 – GP do Japão – Suzuka – Horários
19ª -23/10/2022 – GP dos EUA – COTA / Austin –
20ª -30/10/2022 – GP do México – Cidade do México –
21ª -13/11/2022 – GP de São Paulo – Interlagos / Brasil –
22ª -20/11/2022 – GP de Abu Dhabi – Yas Marina –

  

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR A HOME DE AUTOMOBILISMO DO PORTAL TERCEIRO TEMPO 

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O CANAL DO BELLA MACCCHINA NO YOU TUBE

 

Últimas do seu time

  • Tabela

  • BRASILEIRÃO 2019

  • Classificação
    Pontos
  • 1 Bah
    0
  • 2 Atl
    0
  • 3 Cor
    0
  • 4 Spo
    0
  • 5 Red
    0
  • Veja tabela completa